SBEM
Departamento de Tireóide

Departamento de Tireoide
da Sociedade Brasileira
de Endocrinologia e Metabologia

Destaques

Os Atletas e as DisfunçõesTireoidianas

Em ano de Copa do Mundo os olhares de diversas pessoas no planeta estão voltados para diversos jogadores em nosso país. Contudo, bate a dúvida: será que atetlas com disfunções tireoidianas podem participar de competições? O Dr. Mario Vaisman fala sobre o assunto e revela alguns mitos. Confira o vídeo. 

Leia Mais

Notícias

Dia 25 de Maio é o Dia Internacional da Tireoide

Presidente do Departamento de Tireoide, Dra. Carmem Cabanelas, envia mensagem pelo Dia Internacional da Tireoide. O Departamento realizou diversas ações este ano, incluindo as redes sociais, como Facebook e Youtube.

Leia Mais

Para Público

Disciplina Controla Hipotireoidismo

Melq Ferreira é preparador físico de atletas de surf e personal trainer, na cidade de Fortaleza (CE). Ele tem 41 anos e descobriu um bócio nodular na tireoide, aos 20. Na época, submeteu-se à cirurgia para retirada do bócio e, desde então, segue o tratamento para o hipotireoidismo.

Leia Mais

Para Público

Vencendo o Câncer na Tireoide

Com apenas 12 anos, a nadadora do juvenil do Flamengo, Giovanna Pannain, foi vitíma de um Câncer na Tireoide. Através de uma cirurgia, tratamentos e força de vonta a jovem superou a fase e é exemplo de esforço e persitência. Confira a matéria. 

Leia Mais

Notícias

Dia Internacional da Tireoide

O dia 25 de maio é o “Dia Internacional da Tireoide”. Desde 2009 são organizadas campanhas informativas, por diferentes sociedades médicas e não médicas, com o objetivo de orientar pacientes e familiares sobre as doenças tireoidianas. A campanha nacional deste ano, escolhida pelo Departamento de Tireoide da SBEM, tem como tema Tireoide e Esportes. Folhetos, vídeos e mensagens sobre o tema estão sendo publicados nas redes sociais.

Leia Mais

Eventos

<      >

Distúrbios

15/05/2008 Hipotireoidismo: Sintomas

Assim como o hipertireoidismo, o hipotireoidismo também causa um aumento de volume da tireoide. Contudo, esse aumento não é acompanhado de mais produção dos hormônios tireoidianos, mas sim pela queda na produção dos hormônios T3 (triiodotironina) e T4 (tiroxina).

Como outros males da tireóide, o hipotireoidismo é mais comum em mulheres, mas pode ocorrer em qualquer indivíduo independente de gênero ou idade. Os endocrinologistas orientam mulheres, especialmente acima de 40 anos, a fazerem o auto-exame da tireoide regularmente. Entre os sintomas do hipotireoidismo estão:

  • Depressão
  • Desaceleração dos batimentos cardíacos
  • Intestino preso
  • Menstruação irregular
  • Diminuição da memória
  • Cansaço excessivo
  • Dores musculares
  • Sonolência excessiva
  • Pele seca
  • Queda de cabelo
  • Ganho de peso
  • Aumento do colesterol no sangue

Na maioria das vezes, o hipotireoidismo é causado por uma inflamação denominada Tireoidite de Hashimoto, uma disfunção auto-imune. O hipotireoidismo também afeta recém-nascidos. Nesses casos, o problema é diagnosticado pelo conhecido "teste do pezinho" e o tratamento deve ser iniciado imediatamente.

As complicações causadas pelo hipotireoidismo são normalizadas por meio das prescrições do médico. Quando o tratamento não é adequado, o paciente pode sentir anemia, coronariopatia e desordens gastrointestinais, neurológicas, endócrinas, metabólicas e renais. Também são comuns as disfunções respiratórias, dislipidemia, glaucoma, hipertensão arterial, insuficiência cardíaca e, no caso de recém-nascidos, retardo mental, surdez e deficiência de crescimento. 

 

imprimaImprima     envieEnvie por Email       Compartilhe: Delicious Delicious  google Google

Tópicos Relacionados

Distúrbios hipotireoidismo tireóide

Opiniões dos Leitores

Topo Volta  © 2010 Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia - SBEM