Distúrbios

Hipertireoidismo: Sintomas

O hipertireoidismo ocorre quando há uma produção excessiva dos hormônios da tireoide (T3 e T4). Em sua forma mais suave, não apresenta sintomas facilmente diagnosticáveis ou apenas distúrbios como fraqueza ou sensação de desconforto. Entretanto, em seu aspecto mais grave, a doença pode até matar. Há risco da disfunção afetar a gravidez ou a fertilidade feminina, entre outros males.

Ocorre um aumento no volume da tireoide durante o hipertireoidismo, o que também pode ser associado a outros sintomas, como:

  • Aceleração dos batimentos cardíacos acima de 100 por minuto (chamada taquicardia)
  • Irregularidade no ritmo cardíaco, principalmente em pacientes com mais de 60 anos
  • Nervosismo, ansiedade e irritação
  • Mãos trêmulas e sudoreicas
  • Intolerância a temperaturas quentes e probabilidade de aumento da sudorese
  • Queda de cabelo e/ou fraqueza do couro cabeludo
  • Rápido crescimento das unhas, com tendência à descamação das mesmas
  • Fraqueza nos músculos, especialmente nos braços e coxas
  • Intestino solto
  • Perda de peso importante
  • Alterações no período menstrual
  • Aumento da probabilidade de aborto
  • Olhar fixo
  • Protusão dos olhos, com ou sem visão dupla (em pacientes com a Doença de Graves)
  • Acelerada perda de cálcio dos ossos com aumento do risco de osteoporose e fraturas.

Entre as causas para o hipertireoidismo estão a Doença de Graves, o bócio, a existência de um nódulo tóxico (que produz mais hormônio tireoideano que o necessário), tireoidite subaguda, silenciosa ou pós-parto, ingestão excessiva de iodo (presente em comprimidos de alga, expectorantes ou em amiodarona, usada em remédios para arritmia cardíaca) e a superdosagem de hormônio tireoideano.  

imprimaImprima     envieEnvie por Email       Compartilhe: Delicious Delicious  google Google

Tópicos Relacionados

Distúrbios hipertireoidismo tireóide

Opiniões dos Leitores

Eventos científicos

Tireoide no CBAEM 2017

Falta pouco para o Congresso Brasileiro de Endocrinologia e Metabologia – CBAEM. O Congresso será realizado no Centro de Eventos do Ceará entre os dias 16 e 19 de agosto. O Departamento de Tireoide estará representado pela sua presidente, Dra. Célia Nogueira, que faz parte da Comissão Científica Nacional do CBAEM. O evento é presidido pela Dra. Cristina Façanha.

Leia Mais

Eventos científicos

Momentos do XVI LATS

Durante quatro dias, participantes acompanham uma intensa atividade científica no XVI Latin American Thyroid Congress. Delegados de 27 países estão presentes ao evento, que acontece no Windsor Barra Hotel, na Barra da Tijuca, Rio de Janeiro. O Congresso termina no domingo. 

Leia Mais

Eventos científicos

XVI LATS Reúne mais de 1.500 Participantes

O Rio de Janeiro recebeu um excelente público para o XVI Latin American Thyroid Congress. O evento teve dois brasileiros à frente das atividades, o presidente da Comissão Local, o Dr. Mario Vaisman, e a presidente do LATS, Dra. Denise Pires Carvalho. Vejam os discursos de abertura na cerimônia que deu início às atividades.  

Leia Mais