24/01/2019 Balanço da Gestão 2017/2018

Em dezembro de 2018 se encerrou mais uma gestão do Departamento de Tireoide, tendo a Dra. Célia Nogueira como presidente. Foram seis anos participando das diretorias anteriores para dar continuidade do trabalho e fortalecer as ações.

A ex-presidente faz um balanço dos últimos dois anos, nesta entrevista ao site do Departamento, onde comentou sobre o estilo de trabalho, planejamentos, os EBTs, entre outros assuntos. Confira:

  • Site do Departamento: Como foi esse processo de continuidade na sua gestão? 

Dra. Célia: Fazer parte da Departamento nos últimos seis anos facilitou minha gestão. Assimilei o modo de trabalho dos que me antecederam, e o processo de interlocução que existe entre os membros do departamento, faz com que as resoluções ocorram em conjunto. Pensadas, discutidas e assumidas por unanimidade.

  • Site do Departamento: A nova diretoria já vem fazendo parte da atual diretoria. Como essa linha de pensamento ajuda no planejamento?

Dra. Célia: Com certeza faz toda a diferença, na medida que a memória é conservada e que as ações não sofrem uma interrupção. Muitas ações que tiveram início na minha gestão e estão em andamento, como por exemplo um projeto para estudar e estabelecer o nível de iodúria em gestantes no Brasil, terá continuidade na gestão que assume 2019-2020.

  • Site do Departamento: Como você avalia a presença do Departamento tanto na área científica quanto no relacionamento com o público?

Dra. Célia: Uma característica do Departamento é orientação ao público leigo, com informes nos canais e a campanha pública pela Semana Internacional da Tireoide, que assumiu uma dimensão nacional. São as informações seguras chegando ao público leigo e é emocionante ver a adesão das regionais e das Universidades na Campanha Internacional da Tireoide, é o Brasil com a mesma linguagem e a integração do jovem Endocrinologista e do Jovem Pesquisador com o público leigo. As ações por meio da mídia nos dá a certeza de estar cumprindo o papel social que é uma das metas da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia.

  • Site do Departamento: Como é feito o trabalho entre a diretoria do Departamento e as Comissões  dos eventos?

Dra. Célia: O EBT é um trabalho conjunto do Departamento, comissão organizadora e científica. A comunicação começa quando termina um EBT, portanto o trabalho de dois anos em conjunto com a missão de levar a atualização clínica e o que há de mais relevante na pesquisa científica para os Endocrinologistas do Brasil. Uma característica do EBT é valorizar o jovem Endocrinologista e jovem Pesquisador, com a participação nos simpósios e com um "Grant" para desenvolvimento de projetos de pesquisa.

  • Site do Departamento: Das metas que você traçou para sua gestão, alguma que não tenha conseguido alcançar parcialmente?

Dra. Célia: Sim. Estava na programação a atualização de algumas diretrizes, mas o tempo foi escasso para atingir essa meta, mas a semente foi lançada e, com certeza, a nova gestão dará continuidade a essa ação.

  • Site do Departamento: A troca de e-mails e as decisões sempre em conjunto auxiliaram muito no crescimento da comunicação do Departamento. Como é feita essa dinâmica?

Dra. Célia: Com certeza o trabalho é executado em cima de metas e discussões que se iniciam por meio de e-mails e culminam na realização de reuniões por skype e presenciais. O debate e a decisão em conjunto traz a transparência das ações e a tranquilidade para o presidente do Departamento. O principal é o crescimento do Departamento na área científica e social.

  • Site do Departamento: O site do Departamento em 2018 alcançou mais de 1 milhão e meio de páginas lidas. Quais os planos para 2019?

Dra. Célia: A abrangência do site do Departamento nos dá a certeza de estarmos no caminho certo. Em 2019 a nova diretoria continuará divulgando e orientando em relação as doenças tireoidianas.

  • Site do Departamento: O que falaria para os novos membros da diretoria?  

Dra. Célia: Sei da competência, dedicação e força dos novos membros da diretoria e, portanto, tenho certeza que será uma gestão de sucesso. Meta e organização é o mais importante porque o tempo é curto para cumprir o que planejamos. Acredito que minha tarefa foi facilitada pela união e companheirismo da diretoria. Sou grata a todos e com certeza somos a Família da Tireoidiologia. Desejo Sucesso e Sabedoria. Estou pronta para toda colaboração.

Além da Dra. Célia, fizeram parte da diretoria biênio 2017/2018:

  • Vice-Presidente: Dr. José Augusto Sgarbi (SP)

  • Secretário: Dra. Janete Maria Cerutti (SP)

  • Diretores: Dra. Ana Luiza Silva Maia (RS); Dra. Patrícia de Fátima dos Santos Teixeira (RJ); Dra. Laura Stein Ward (SP); Dra. Gisah Amaral de Carvalho (PR); Dr. Mario Vaisman (RJ)

  • Suplente: Dr. Danilo Glauco Pereira Villagelin Neto (SP)

imprimaImprima     envieEnvie por Email       Compartilhe: Delicious Delicious  google Google

Tópicos Relacionados

Notícias Balanço Gestão 2017/2018 Diretoria

Balanço da Gestão 2017/2018

Em 2018 foi encerrada mais uma gestão do Dpto. de Tireoide, tendo a Dra. Célia Nogueira como presidente. Foram seis anos participando das diretorias anteriores.

Leia Mais

Departamento

Nova Diretoria: Biênio 2019/2020

No 33° Congresso Brasileiro de Endocrinologia e Metabologia (CBEM) foram apresentados os resultados das eleições para a nova diretoria da SBEM Nacional e seus departamentos e comissões, durante a Assembleia Geral. A nova gestão do Departamento de Tireoide teve 504 votos. O Departamento será presidido pelo Dr. José Sgarbi (biênio 2019/2020). Confira a composição da nova diretoria.

Leia Mais

Notícias

Boas Festas e Feliz 2019

Em nome de toda a diretoria do Departamento de Tireoide, a presidente Dra. Célia Regina Nogueira, deseja um natal abençoado e que 2019 seja repleto de realizações. Boas festas.

Leia Mais